Get Adobe Flash player

O julgamento do racismo

É hora de julgar o racismo, Por Paulo Moreira Leite

O  julgamento sobre cotas é uma boa oportunidade para se discutir um aspecto essencial da vida brasileira – o racismo.

A noção de que vivemos numa democracia racial chega a ser patética num país onde mais de 90% dos brasileiros disseram ao DataFolha, em 2008, na passagem dos 120 anos da abolição, que vivemos num país racista.

Escandaloso: Juíza aplica multa de R$50.000 por dia ao MTST!

A Juíza Bárbara Carola Cardoso de Almeida, da Segunda Vara de Embu das Artes, acrescentou mais uma decisão absurda e ofensiva aos movimentos sociais à lista do Judiciário brasileiro.

Em sentença publica no último dia 7 de maio, esta senhora definiu pela proibição da construção de moradias na área atualmente ocupada pelo MTST, onde está instalado o Acampamento Novo Pinheirinho de Embu. Esta decisão já era esperada, dada a parcialidade e falta de bom senso com que a juíza conduziu o processo desde 2006. Espera-se que o Tribunal de Justiça corrija tal decisão.

Nota de repúdio dos servidores administrativos da GRTE em Presidente Prudente-SP

Em 2008, com a abertura do concurso público para o cargo de agente administrativo surgiu uma esperança de valorização da carreira administrativa no M.T.E. (após assinatura de termo de ajustamento de conduta com o Ministério Público do Trabalho), após décadas de indiferença do governo federal.

Manifesto contra a reabertura do Posto de Atendimento em Presidente Venceslau

 

Ante a notícia da reabertura da Agência Regional do Trabalho e Emprego no município de Presidente Venceslau-SP, nós, Servidores Públicos da carreira administrativa da Gerência Regional do Trabalho e Emprego em Presidente Prudente, apresentamos nossa discordância nesta reativação sem que haja servidores públicos federais efetivos, do cargo agente administrativo para realizar o atendimento adequado e específico à população, análise para entrada no sistema seguro-desemprego, homologação de rescisão de contrato de trabalho, protocolos de registro de acordos e convenções coletivas de trabalho, entre outras rotinas que devem ser realizadas por servidores da carreira específica do Ministério do Trabalho e Emprego.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Solidariedade