Ato dos servidores públicos federais dia 15/03

COMPARTILHE

Compartilhe emfacebook
Compartilhe emtwitter
Compartilhe emwhatsapp
Compartilhe emtelegram

A Coordenação Estadual de Entidades do Funcionalismo Público Federal de São Paulo está organizando um ato público no dia 15/03, a partir das 12h, em frente ao TRF (Av. Paulista, 1842). A atividade faz parte da jornada nacional de lutas, que iniciou no dia 12 e segue até o dia 16 de março, com diferentes manifestações nos estados para impulsionar a Campanha Salarial 2012.
No dia 28 de março ocorre a marcha do funcionalismo em Brasília. Servidores dos três poderes, de todos os cantos do país, irão ocupar as ruas da capital para exigir do governo Dilma respeito às suas reivindicações.

A marcha será combinada com a mobilização dos aposentados que, também, realizam uma jornada nacional nos dias 28 e 29 de março.

PL 1992
A luta para barrar no Senado Federal o PL 1992, que privatiza a previdência no setor público e acaba com a aposentadoria integral, é um dos pontos principais da jornada nacional de mobilizações do funcionalismo. No dia 19/03 está marcada uma audiência pública no senado federal para debater o projeto.

O projeto foi aprovado na Câmara dos Deputados como PL 1992/2007 e agora tramita no Senado, em regime de urgência constitucional, como PLC 2/2012 (Projeto de Lei da Câmara). O senador José Pimentel (PT-CE), ex-ministro da Previdência Social no governo Lula, foi designado relator da matéria na Comissão de Constituição e Justiça e Cidadania, onde ela tramitará simultaneamente com as Comissões de Assuntos Sociais e de Assuntos Econômicos.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Notícias

Curtas Jornadas Noite Adentro

Vale a pena conferir o longa Curtas Jornadas Noite Adentro, de Thiago B. Mendonça, que estará disponível na plataforma on-line do Sesc até 25.02.2023.

Věra Chytilová e a Nouvelle Vague Tcheca – Parte 2

Os grandes acontecimentos políticos reverberam nas artes, influenciam e são influenciados pelos artistas. A Nouvelle Vague Tcheca é um exemplo. Foi um movimento de cinema diferente, radical e inseparável da Primavera de Praga, aquele “segundo soberbo”, na definição do escritor Milan Kundera.

Crítica: HOLY SPIDER (Aranha Sagrada)

Pré-selecionado ao Oscar, filme aborda caso real de serial killer que foi celebrado por matar mulheres no Irã. Conhecido como Spider Killer, o assassino acredita estar numa missão espiritual de limpar as ruas do pecado.