04/02, sábado – Seminário Nacional contra a Reforma da Previdência

COMPARTILHE

Compartilhe emfacebook
Compartilhe emtwitter
Compartilhe emwhatsapp
Compartilhe emtelegram

A CSP-Conlutas realiza no dia 04/02, sábado, um Seminário Nacional Contra a Reforma da Previdência. A atividade ocorre no segundo dia da Reunião da Coordenação Nacional da Central e tem o objetivo de fortalecer a campanha contra a proposta do governo Temer que, se aprovada, acaba com aposentadorias e pensões.

O seminário será dividido em dois momentos. No primeiro, das 9h30 às 12h, os expositores abordam o seguinte tema: “A Seguridade Social é um direito; A dívida pública é um saque. Diga não à Reforma da Previdência!”

Maria Lucia Fattorelli, Coordenadora Nacional da Auditoria Cidadã da Dívida, Sara Granemann, da UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro), Vilson Antonio Romero, presidente do Conselho Executivo da ANFIP (Associação Nacional dos Auditores-Fiscais da Receita Federal do Brasil) apresentarão elementos mostrando a falácia do rombo da previdência, entre outras informações.

Na parte tarde, das 14h às 17h30, entra em pauta “Unidade de ação para barrar a Reforma da Previdência!”. Os convidados para esta mesa são: Cézar Britto, ex-presidente nacional da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), Erika Andrease, do MML (Movimento Mulheres em Luta), Jorge Luiz Souto Maior, jurista e professor de direito do trabalho brasileiro na USP, Roberto Parahyba de Arruda Pinto (Presidente da ABRAT – Associação Brasileira de Advogados Trabalhistas), Warley Martins, presidente da COBAP (Confederação Brasileira de Aposentados e Pensionistas).

O seminário acontece dia 04 de fevereiro, sábado, das 9h30 às 17h30, no Hotel Novotel Jaraguá (Rua Martisn Fontes, 71, Centro).

 

Com informações da CSP-Conlutas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Notícias

Curtas Jornadas Noite Adentro

Vale a pena conferir o longa Curtas Jornadas Noite Adentro, de Thiago B. Mendonça, que estará disponível na plataforma on-line do Sesc até 25.02.2023.

Věra Chytilová e a Nouvelle Vague Tcheca – Parte 2

Os grandes acontecimentos políticos reverberam nas artes, influenciam e são influenciados pelos artistas. A Nouvelle Vague Tcheca é um exemplo. Foi um movimento de cinema diferente, radical e inseparável da Primavera de Praga, aquele “segundo soberbo”, na definição do escritor Milan Kundera.

Crítica: HOLY SPIDER (Aranha Sagrada)

Pré-selecionado ao Oscar, filme aborda caso real de serial killer que foi celebrado por matar mulheres no Irã. Conhecido como Spider Killer, o assassino acredita estar numa missão espiritual de limpar as ruas do pecado.