Funcionalismo protesta contra proposta de Dilma

COMPARTILHE

Compartilhe emfacebook
Compartilhe emtwitter
Compartilhe emwhatsapp
Compartilhe emtelegram

 

Crescem as mobilizações contra os 15% oferecidos pelo governo aos Servidores Públicos Federais (SPFs). Diversos segmentos do funcionalismo realizaram um ato na tarde desta quinta-feira, 23 de agosto, na capital paulista para protestar contra a proposta apresentada pelo governo.

Reforçando o clima da unidade a atividade reuniu servidores do Judiciário federal, do Ministério Púbico da União, do Ministério Publico Federal, do IBGE, além de servidores da base do Sindsef-SP e do Sinsprev. Os manifestantes distribuíram uma carta explicando os motivos da greve à população, enquanto faziam barulho na frente do Tribunal Regional Federal.

Depois saíram em passeata entoando palavras de ordens pelas ruas próximas ao TRF, “Ô ô ô Dilma, que papelão meu dinheiro foi parar no mensalão”. Uma alusão ao desvio de dinheiro público que poderia ser investido para conceder o reajuste dos servidores e para melhorar os serviços públicos. 

Vale lembrar, que a greve do funcionalismo continua por culpa do governo que só iniciou efetivamente a negoicação agora, após dois meses de greve. Ignorando todos os esforçoes da categoria, que aguarda uma proposta desde março. Se a greve coninua o único responsável é o governo da presidente Dilma. 

 

O governo joga nas costas do servidor a responsabilidade da greve e ainda alega que o movimento é um desrespeito a população. No entanto, não fez nenhum movimento para finalizar o conflito. Ao contrário, deixou para os 45 minutos do segundo tempo a apresentação de uma proposta que nem de longe atende as reivindicações da categoria.

 

Mas a luta não acabou. Os SPF s vão manter as mobilizações para pressionar o governo e garantir os investimentos necessários para um serviço público de qualidade.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Notícias

Cartão do Dia dos Aposentados

Feliz Dia dos Aposentados

O Sindsef-SP parabeniza os aposentados e as aposentadas pelo seu dia e reafirma seu compromisso na luta por paridade entre ativos, aposentados e pensionistas, pelo cumprimento do Estatuto do Idoso, contra os ataques à previdência e pela recomposição salarial.

Crítica: filme Noites de Paris

Nesta crítica, saiba sobre o filme Noites de Paris, que se passa em 1981. No ano de eleições, comemorações se espalham pelas ruas e há um ar de esperança e mudança.