Greve está em pauta na assembleia do DNIT desta quarta-feira

COMPARTILHE

Compartilhe emfacebook
Compartilhe emtwitter
Compartilhe emwhatsapp
Compartilhe emtelegram

Os servidores do DNIT em São Paulo estão preparados para iniciar o movimento paredista com objetivo de pressionar o governo federal a avançar na negociação da antiga pauta de reivindicações. Conforme previsto em lei, o Sindsef-SP publicou em jornal de grande circulação o edital de convocação da assembleia para deflagração da greve.

“Mesas de enrolação” e inúmeros “chás de cadeira” marcam todo o processo negocial desde 2009, quando o segmento já reivindicava a reestruturação de sua tabela salarial e a equiparação com as agências reguladoras.

Este ano, três reuniões foram agendadas pelo Ministério do Planejamento com a Condsef para tratar da pauta específica dos trabalhadores do DNIT e foi definido o dia 15 de junho como o prazo final para o resultado da negociação.

Na segunda-feira passada (27/05), a Secretaria de Relações do Trabalho (SRT) do Ministério do Planejamento solicitou a repactuação de prazos transferindo para julho a apresentação de uma possível proposta. Apesar de já terem passados cinco anos, a justificativa dada é a necessidade de tempo maior para que setores do governo possam conversar a respeito da pauta.

Durante a reunião na última semana a SRT informou que não estava autorizada a apresentar nenhuma proposta muito diferente daquela que os servidores do DNIT não aceitaram em 2012, isto é, os 15,8% divididos em três anos.

Com isso, Dilma mostra que pretende continuar empurrando com a barriga o problema da desvalorização dos servidores do órgão, que, com salários defasados, administram bilhões em licitações, mas não recebem nem 0,01% do valor que passa em forma de projetos pelas suas mãos.  

Diante da omissão por parte do governo em atender as demandas antigas da categoria e de mais um recuo na negociação já exaustiva, nesta semana serão realizadas assembleias em todo o Brasil com indicativo de greve.

O ex-diretor do Sindsef-SP, Kléber Velho irá representar a superintendência regional de São Paulo numa Plenária Setorial na sede da Condsef em Brasília, nesta próxima terça-feira (04/06), para discutir o fortalecimento da mobilização. No dia seguinte, no estado, os trabalhadores vão deliberar acerca do movimento grevista, às 9h30.

 

 

<Confira aqui o edital>

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Notícias

Cartão do Dia dos Aposentados

Feliz Dia dos Aposentados

O Sindsef-SP parabeniza os aposentados e as aposentadas pelo seu dia e reafirma seu compromisso na luta por paridade entre ativos, aposentados e pensionistas, pelo cumprimento do Estatuto do Idoso, contra os ataques à previdência e pela recomposição salarial.

Crítica: filme Noites de Paris

Nesta crítica, saiba sobre o filme Noites de Paris, que se passa em 1981. No ano de eleições, comemorações se espalham pelas ruas e há um ar de esperança e mudança.