Manifestação impediu a votação do projeto que cria empresa de serviços hospitalares

COMPARTILHE

Compartilhe emfacebook
Compartilhe emtwitter
Compartilhe emwhatsapp
Compartilhe emtelegram

 

Marcos Maia, presidente da Câmara dos Deputados, anunciou para a próxima terça-feira, a votação do Projeto de Lei 1749/11, que cria a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH).

A decisão foi tomada no dia 14 de setembro, depois que cerca de 150 manifestantes da Federação dos Sindicatos dos Trabalhadores das Universidades Públicas Brasileiras (Fasubra) conseguiram impedir a votação na comissão especial, criada para analisar o projeto. Logo após a abertura, a reunião teve que ser suspensa.

Os trabalhadores consideram que a criação de uma empresa para administrar os hospitais universitários é uma “privatização disfarçada”.

FONTE: Agência Câmara de Notícias

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Notícias

Věra Chytilová e a Nouvelle Vague Tcheca – Parte 2

Os grandes acontecimentos políticos reverberam nas artes, influenciam e são influenciados pelos artistas. A Nouvelle Vague Tcheca é um exemplo. Foi um movimento de cinema diferente, radical e inseparável da Primavera de Praga, aquele “segundo soberbo”, na definição do escritor Milan Kundera.

Crítica: HOLY SPIDER (Aranha Sagrada)

Pré-selecionado ao Oscar, filme aborda caso real de serial killer que foi celebrado por matar mulheres no Irã. Conhecido como Spider Killer, o assassino acredita estar numa missão espiritual de limpar as ruas do pecado.