Presidente da Comissão de Ética acata representação contra Demóstenes Torres

COMPARTILHE

Compartilhe emfacebook
Compartilhe emtwitter
Compartilhe emwhatsapp
Compartilhe emtelegram

 

Na presidência interina do Conselho de Ética e Decoro Parlamentar, que se reuniu nesta terça-feira (10), o senador Antonio Carlos Valadares (PSB-SE) acatou a representação do PSOL contra o senador Demóstenes Torres (DEM-GO). O presidente determinou a notificação do representado, com o prazo de 10 dias para apresentar sua defesa prévia.

Devido a uma dúvida regimental, Valadares decidiu adiar a definição do relator do processo, por sorteio, para nova reunião marcada para as 10h de quinta-feira (12).

Demóstenes é acusado de associação criminosa com o empresário de jogos ilegais Carlos Cachoeira. A representação para que seja investigado pelo Conselho de Ética foi apresentado pelo PSOL. Líderes partidários também discutem a possibilidade de criação de uma CPI para apurar as relações de parlamentares com Cachoeira.

Fonte: Agência Senado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Notícias

Cartão do Dia dos Aposentados

Feliz Dia dos Aposentados

O Sindsef-SP parabeniza os aposentados e as aposentadas pelo seu dia e reafirma seu compromisso na luta por paridade entre ativos, aposentados e pensionistas, pelo cumprimento do Estatuto do Idoso, contra os ataques à previdência e pela recomposição salarial.

Crítica: filme Noites de Paris

Nesta crítica, saiba sobre o filme Noites de Paris, que se passa em 1981. No ano de eleições, comemorações se espalham pelas ruas e há um ar de esperança e mudança.