Resultado do processo eleitoral para Renovação da Diretoria Colegiada e Conselho Fiscal do Sindsef-SP

COMPARTILHE

Compartilhe emfacebook
Compartilhe emtwitter
Compartilhe emwhatsapp
Compartilhe emtelegram

Foi divulgado pela Comissão Eleitoral no dia 27/11/2020, às 18h30, o resultado das eleições para Renovação da Diretoria Colegiada e Conselho Fiscal do Sindsef-SP. Ao proclamar o resultado a presidente da apuração e membro da comissão eleitoral, Cristiane Oliveira Reimberg, servidora da Fundacentro, agradeceu o trabalho de todos os membros da comissão eleitoral, aos funcionários do Sindicato e a toda a categoria pela realização e participação no pleito.

A Chapa 1 – É na luta, com garra, pão e poesia , que a gente se encontra! foi eleita com 345 votos. Foram registrados 44 votos nulos e 7 votos brancos. Para o Conselho Fiscal foram eleitos Hidetoshi Takiishi, com 311 votos, Ana Lucia Lamaneres Gori, com 283 votos, Ana Maria de Souza Silva, com 282 votos, Carmem Silvia Serra, com 261 votos e Olair dos Santos, com 247 votos. Foram registrados 63 votos em branco para o Conselho Fiscal. 

A partir do término das eleições,  fica comunicado/publicado  a ciência  do prazo de 15 (quinze) dias para interposição de eventual recurso,  que deverá ser encaminhado  para a Coordenação do Sindsef-SP através do e-mail adm@sindsef-sp.org.br  endereçado à Comissão Eleitoral de firma escrita com as razões e documentos afins, para análise em até 3 (três) dias pela Comissão Eleitoral, na forma do artigo 27, parágrafo sexto do Estatuto do Sindsef-SP. 

A posse da nova diretoria colegiada do Sindsef-SP acontecerá no dia 02/01/2021 e o mandato é  de três anos .

Conheça a chapa vitoriosa:

DIRETORIA COLEGIADA SINDSEF-SP – CANDIDATOS(AS) e CARGOS 

1) Secretaria Geral I – Luís Antônio Genova

2) Secretaria Geral II –  Júlio Cesar Lopardo Alves

3) Secretaria de Finanças I – Renato Arthur Benvenutti

4) Secretaria de Finanças II – Ricardo Cesar de Rosa

5) Secretaria de Administração I – Vânia Gaebler

6) Secretaria de Administração II – Valdeci Donizeti dos Santos

7) Secretaria de Imprensa e Comunicação I – Flavio Henrique Nóbrega

8) Secretaria de Imprensa e Comunicação II – Pedro Luiz Paulino

9) Secretaria de Aposentados e Pensionistas I – Bernadete Aparecida Vieira

10) Secretaria de Aposentados e Pensionistas II – Antônio Carlos Machado Alves

11) Secretaria de Formação Político-Sindical I – Tobias Vilhena de Moraes

12) Secretaria de Formação Político-Sindical II – Francinete Silva Manzan

13) Secretaria Contra as Opressões I – Sheila Fernanda Dezen Gaspar

14) Secretaria Contra as Opressões II – Maria Apparecida Ventura

15) Secretaria de Assuntos Jurídico I – Maria Inês Magalhães 

16) Secretaria de Assuntos Jurídico II –  Alexandre Schnur Gabriel Ferreira

17) Secretaria Sociocultural I – Deolinda Claudete Moraes Fernandes

18) Secretaria Sociocultural II – Claudete Braghini

19) Secretaria do Interior I – Benedito Leite Mazagão Junior

20) Secretaria do Interior II – Ivanilde Pereira

 

SUPLENTES DA DIRETORIA COLEGIADA SINDSEF-SP

1) Suplente I – Adriano Rogerio Chinellato Camardella

2) Suplente II – Wânia Mara da Silva Garrido

3) Suplente III – Adriana Cristina Terra

4) Suplente IV – Rubens Bento dos Santos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Notícias

Věra Chytilová e a Nouvelle Vague Tcheca – Parte 2

Os grandes acontecimentos políticos reverberam nas artes, influenciam e são influenciados pelos artistas. A Nouvelle Vague Tcheca é um exemplo. Foi um movimento de cinema diferente, radical e inseparável da Primavera de Praga, aquele “segundo soberbo”, na definição do escritor Milan Kundera.

Crítica: HOLY SPIDER (Aranha Sagrada)

Pré-selecionado ao Oscar, filme aborda caso real de serial killer que foi celebrado por matar mulheres no Irã. Conhecido como Spider Killer, o assassino acredita estar numa missão espiritual de limpar as ruas do pecado.