Servidores do Ipen debatem a questão racial no funcionalismo público

COMPARTILHE

Compartilhe emfacebook
Compartilhe emtwitter
Compartilhe emwhatsapp
Compartilhe emtelegram

Em continuidade às comemorações referente ao Dia da Consciência Negra, o Sindsef-SP e a Assipen convidam os trabalhadores para um debate fraterno sobre a questão racial e o funcionalismo público. O evento será no Instituto de Pesquisas Energética e Nucleares (IPEN), sala 7, na próxima segunda-feira, 25 de novembro, às 9 horas.

O objetivo é colocar em discussão o mito da igualdade racial no Brasil e sua consequência na vida da população negra. Por exemplo, aqui no espaço da USP é possível afirma que existe igualdade entre negros e brancos?

Onde estão os negros que frequentam este espaço? Nas salas de aulas? São professores ou alunos?

Existe preconceito no serviço público ou as chances são iguais para todos? Como você encara a questão racial nas dependências do Instituto  e no seu cotidiano?

Tamiris Rizzo, membro do Quilombo Raça e Classe e do Movimento Mulheres em Luta, irá apresentar dados relevantes sobre o preconceito, muitas vezes velado, que atinge a população negra.

Venha compartilhar sua experiência e ajudar a combater o racismo e o preconceito da sociedade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Notícias

Cartão do Dia dos Aposentados

Feliz Dia dos Aposentados

O Sindsef-SP parabeniza os aposentados e as aposentadas pelo seu dia e reafirma seu compromisso na luta por paridade entre ativos, aposentados e pensionistas, pelo cumprimento do Estatuto do Idoso, contra os ataques à previdência e pela recomposição salarial.

Crítica: filme Noites de Paris

Nesta crítica, saiba sobre o filme Noites de Paris, que se passa em 1981. No ano de eleições, comemorações se espalham pelas ruas e há um ar de esperança e mudança.