Trabalhadores dos Correios continuam em greve

COMPARTILHE

Compartilhe emfacebook
Compartilhe emtwitter
Compartilhe emwhatsapp
Compartilhe emtelegram

A greve dos trabalhadores dos Correios segue forte.  Hoje, 07 de outubro, ocorre outra audiênca na tentativa de conciliação no TST (Tribunal Superior do Trabalho), às 14h.

 

 

 

Ato Unitário dos trabalhadores dos Correios, Bancários e Judiciário em greve, realizado no dia 30 de setembro, em São paulo

 

As lideranças governistas, que se comprometaram em defender a proposta do governo tiveram que se render e fazer valer os interesse da base. A proposta foi rejeitada pelos 35 sindicatos da categoria, nas assembleias realizadas no dia 05/10.  Apesar de ter sido alardeado por vários meios de comunicação o fim do movimento. A greve já dura 22 dias.

Mas luta é árdua. No dia 06 de outubro o presidente do Tribunal Superior do Trabalho (TST), ministro João Oreste Dalazen, concedeu liminar atendendo parcialmente à Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) e determinando que a Fentect, federação da categoria, mantenha em atividade pelo menos 40% dos trabalhadores em cada unidade operacional. Em caso de descumprimento, foi fixada multa diária de R$ 50 mil.

“Proposta indecente”

Segundo membros do comando nacional de greve, a  proposta apresentada na audiênca de conciliação no TST, realizada segunda-feira, 03 de outubro, consegue ser pior que a anterior. Pois, mantem o desconto dos 6 dias e, ainda, exige a compensação dos demais dias de greve  durante os finais de semana.

Reivindicações da categoria

A categoria está reivindicando reposição da inflação de 7,16%; reposição das perdas salariais de 24,76%, de 1994 à 2010; piso salarial de R$ 1.635,00; aumento linear de R$ 200; vale alimentação/refeição de R$ 28; vale-cesta de R$ 200; vale extra em dezembro/2011 no valor de R$ 750, entre outras propostas, e o não desconto dos dias parados.

 

Foto: CSP-Conlutas 

Fonte: CSP-Conlutas / Agência Diap de Noticias / Rede Brasil Atual

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Notícias

Critica: A ORDEM DO TEMPO

A Ordem do Tempo retrata as reações de um grupo de amigos de meia-idade ao tomar conhecimento que um asteróide caminha para colidir com a Terra.

Servidores da PGFN mobilizados por valorização e reconhecimento

Os servidores da Procuradoria Geral da Fazenda Nacional (PGFN) retomam a organização da luta por reconhecimento e valorização da categoria. A mobilização, que começou a ganhar força através de grupos de mensagens, culminou na primeira assembleia nacional, realizada virtualmente em 19 de junho.